Pensão Alimentícia no Brasil virou Profissão e ferramenta de Agressão Sexista

pensão alimentícia no brasil

Devemos respeitar as leis, mas o respeito não pode nos impedir de pensar a respeito das mesmas.


A mulher que tiver um filho e não desejar criar ou assumir responsabilidade de qualquer forma sobre a criança, pode na própria maternidade abandonar a criança e isso pode ser feito sem consulta ou consentimento do pai já que a mãe poderia alegar que não sabe quem é o pai.


Devemos pensar que a bíblia diz, honrar pai e mãe….


Que bem para criança pode fazer um pai estar no SPC ou Serasa?
Como isso vai ajudar o pai a se restabelecer e lucrar o suficiente para manter a criança.
Como ver seu genitor na cadeia por dificuldades financeiras irá ajudar um filho?


Devemos distinguir vingança de justiça e entender que pela psicologia o reforço positivo tem mais efeito sobre as pessoas que o reforço negativo….


Acredito que pai e mãe tenham obrigação financeira, acredito que esse direito deva ser assegurado por lei, mas os fatos demonstram uma fragilidade na balança que mede os direitos e deveres de cada um!


Sou a favor da igualdade de gênero e me questiono como uma mãe poderia se sentir tranquila com a balança tendenciosa sobre a análise dos direitos e deveres de filhos de acordo com gênero.

Se a preocupação da justiça é o melhor para criança, gostaria de entender em que as medidas atuais ajudam ou conciliam as relação familiares?
Pensão Alimentícia no Brasil virou Profissão e ferramenta de Agressão Sexista Pensão Alimentícia no Brasil virou Profissão e ferramenta de Agressão Sexista Reviewed by André Rossiter on 14:03 Rating: 5

Um comentário:

  1. Obrigado pelo texto, não consegui a identidade do autor e muito menos a intenção. Mas compartilho de todas as ideias propostas aqui, fui pai em uma situação onde as coisas foram armadas e tive toda culpa de não me prevenir como deveria. Mas hoje não tenho como preocupação principal a criação da minha filha, e sim, o medo do que a mãe e as leis cada vez mais distorcidas podem ser capazes de fazer comigo ou alguém que se encontra na minha situação.

    ResponderExcluir

André Rossiter. Tecnologia do Blogger.