Polissemia e Homonímia na Linguagem Corporal

Linguagem Corporal
Ao abordar aspectos relacionados a ambiguidade na comunicação, tenho como objetivo maior alertar sobre a perspectiva de dualidade e ambiguidade de sentido nos sinais da linguagem corporal usando aspectos teóricos da comunicação de forma mais ampla e completa possível.
Uma palavra ou imagem com vários sentidos representa polissemia.
Exemplo: Letra pode significar uma letra do alfabeto ou a letra de uma música.
Enquanto que a homonímia se caracteriza quando duas palavras com significados distintos e fonética similar.
Exemplo: Manga que comemos e manga da camisa. Elas têm a mesma fonética e sentidos completamente diferentes.

Na linguagem corporal este conhecimento tem dois sentidos clássicos. O primeiro diz respeito ao entendimento da possibilidade de dualidade no sentido da linguagem corporal e o segundo diz respeito a análise dos sinais corporais que transmitimos quanto ao sentido do que desejamos expressar, pois a linguagem corporal mais coerente torna a nossa comunicação mais influente sobre as pessoas que interagem conosco.

Confira nosso playlist sobre vídeo aulas relacionadas a linguagem corporal

Leitura recomendada sobre a linguagem do corpo ou a arte de desvendar mentiras: paul ekman, andré rossiter, louise hay, pierre weill, tompakow, joão oliveira, cristina cairo, aldert vrij, david viscott, alexander lowen, ken dychtwald


Vídeo Aulas Diversas Sobre Linguagem Corporal e a Arte de Desvendar Mentiras

No meu instagram www.instagram.com/webrossiter você irá encontrar dicas de leituras, imagens sobre linguagem corporal, pensamentos e reflexões.
Se você deseja ter acesso a vídeo aulas exclusivas, apresentados de forma didática, conheça nossa web tv.

Se você gosta de linguagem corporal, possivelmente tem um lado espiritual bem desenvolvido e irá gostar de assistir algumas de nossas parábolas no Youtube.

Polissemia e Homonímia na Linguagem Corporal Polissemia e Homonímia na Linguagem Corporal Reviewed by André Rossiter on 22:54 Rating: 5

Nenhum comentário:

André Rossiter. Tecnologia do Blogger.